O aeroporto de Chubu anunciou que adotará medida de “zero voos internacionais” a partir de 1º de abril

28 03 2020

chubu airport

O aeroporto Internacional de Chubu, na província de Aichi, anunciou que devido a disseminação do novo coronavírus, os voos internacionais serão “zerados” no dia 1º de abril.

É a primeira vez que todos os voos internacionais são suspensos desde a abertura em 2005.

O aeroporto de Chubu, já havia reduzido o número de voos como medida de prevenção, e o número de passageiros caiu drasticamente.

O voo entre os aeroportos de Taipei e Chubu, da China Airlines, que estava em operação, funcionará uma viagem de ida e volta por dia até 31 de março.

E a partir do dia 1º até 20 de abril, passageiros não embarcarão no voo, ficando limitado somente a transporte de cargas.

Os voos domésticos também serão afetados, e a administração do aeroporto pede que verifique as informações atualizadas nos sites das companhias aéreas.
Fonte: IPC Digital





Aeroporto de Kansai totalmente recuperado

21 09 2018

O Aeroporto Internacional de Kansai sofreu danos com a passagem do tufão n.º 21, estava funcionando parcialmente

kansai international airport

Com a passagem do tufão n.º 21 no dia 4 deste mês, as pistas e os terminais do Kanku-Aeroporto Internacional de Kansai (Osaka) sofreram inundação. Depois de 17 dias o terminal 1, o mais prejudicado, voltou a operar normalmente na sexta-feira (21). Isto significa que os voos voltaram à operação regular, especialmente os internacionais.

De acordo com a empresa gestora do Aeroporto Internacional de Kansai, no retorno às atividades, somente na sexta-feira serão 343 voos internacionais e 128 domésticos, com total de 471.

Com isso, a recuperação estimada é de 99%, informou. Às 7h os funcionários acompanharam os passageiros do voo para Hong Kong, usando o lado norte do portão de embarque do terminal 1.

Recuperação em 17 dias
No dia 4 os danos atingiram as fontes de alimentação da energia elétrica e teve apagão. Todos os equipamentos foram reinstalados, bem como as esteiras. As pistas do aeroporto tiveram que ser drenadas para voltarem à operação.

A recuperação foi por etapas. No dia 7 se iniciou operação limitada dos voos domésticos através do terminal 2 que não foi tão danificado e uso das pistas B. No dia seguinte somente uma parte dos voos internacionais voltou à operação. Em 14, foi iniciada operação pela parte sul do terminal 1 e uso das pistas A.
Ponte de acesso

Há 3 dias as companhias de trem voltaram a percorrer a ponte de acesso ao aeroporto. Estava danificada por ter sido atingida por um petroleiro arrastado pelo forte vento e chocou-se contra a ponte. Os veículos estão trafegando pela pista não danificada.

A completa recuperação da ponte levará tempo. Segundo informações do governo a previsão é de estar renovada até o feriado de Golden Week, em maio do ano que vem.
Fonte: Portal Mie com Sankei e NHK