Visita do Papa Francisco ao Japão será de 4 dias

26 06 2019

O Papa Francisco deve chegar ao Japão em novembro e, de acordo com o cronograma, ele terá compromissos em Tóquio, Nagasaki e Hiroshima

papa francisco
O papa Francisco deverá fazer uma visita de quarto dias ao Japão no mês de novembro, divulgou a NHK.

Essa será a primeira visita papal ao país desde 1981, quando o papa João Paulo II veio ao arquipélago japonês.

O papa Francisco deve chegar a Tóquio em 23 de novembro. No dia seguinte, ele visitará Nagasaki e Hiroshima.

Em Nagasaki, ele fará orações na Catedral de Urakami, que foi reconstruída após o bombardeio atômico na cidade em 1945. Em Hiroshima ele fará uma homenagem às vítimas do bombardeio no Museu Memorial da Paz.

Em 25 de novembro ele deve se encontrar com o imperador Naruhito e o primeiro-ministro Shinzo Abe em Tóquio antes de realizar uma missa no Tokyo Dome.

A atenção estará focada em quais mensagens antinucleares o papa passará das cidades atingidas pelo bombardeio atômico.
Fonte: Portal Mie com NHK

Anúncios




Cerimônia de abdicação do imperador deve acontecer em 30 de abril

19 04 2019

A cerimônia de abdicação será a primeira do tipo na história da constituição do Japão

akihito emperor
O governo japonês decidiu oficialmente realizar a cerimônia de abdicação do imperador Akihito em 30 de abril como um ato de estado estipulado sob a Constituição.

A decisão sobre uma das cerimônias relacionadas à sucessão imperial foi feita durante uma reunião do Gabinete nesta sexta-feira (19). A cerimônia de abdicação será a primeira do tipo na história da constituição do Japão.

A Taiirei-Seiden-no-gi, ou Cerimônia de Abdicação de Sua Majestade o Imperador, no Salão do Estado, será realizada por 10 minutos, a partir das 17h em 30 de abril na Matsu-no-ma no Palácio Imperial em Tóquio.

A cerimônia terá a participação de mais de 300 dignitários, incluindo os líderes dos escritórios legislativo, executivo e judiciário, ministros do Gabinete, assim como os chefes de governos locais.

Após o imperador Akihito e a imperatriz Michiko entrarem na sala, a Espada e Joia Imperial – dois dos três tesouros que são símbolos do trono imperial – serão colocados em bancadas chamadas “an”.

O primeiro-ministro Shinzo abe vai declarar que o imperador abdicará ao trono com base em uma lei especial que entrou em vigor em junho de 2017. Abe manifestará sua gratidão ao imperador em nome do público.

O imperador de saída então fará um discurso, o qual será o seu último como soberano.

O príncipe herdeiro Naruhito deve ascender ao trono como novo imperador em 1º de maio.

O governo realizará uma reunião extraordinária do Gabinete no dia para aprovar oficialmente a primeira cerimônia para o novo imperador como um ato de estado constitucional.

A Cerimônia para Herdar as Joias e Selos Imperiais será realizada logo após a reunião do Gabinete.
Fonte: Portal Mie com NHK